Para capturar todos os bichinhos do jogo que é febre mundial, Roberto Vasquez percorreu nada menos do que 265 km. Um exercício e tanto!

Malhação é sinônimo de academia, peso e musculação? Nem sempre. E fazer dieta é sacrificante e exige esforço? Isso também não é uma verdade absoluta. Um fotógrafo do Canadá contou com a ajuda do "Pokémon Go" para melhorar a alimentação, fazer exercício e ainda emagrecer. 

Por que Obama come sete amêndoas todos os dias – e que bem isto pode fazer

Roberto Vasquez antes de jogar 'Pokémon Go' e depois de completar o game
Reprodução/New York Post
Roberto Vasquez antes de jogar 'Pokémon Go' e depois de completar o game


Roberto Vasquez mora em Toronto e aproveitava todo o tempo vago para jogar " Pokémon Go ".  Sem perceber, começou a praticar uma atividade física na caçada aos bichinhos: a caminhada. 

"O objetivo do jogo é sair e explorar o que está ao seu redor. Não dá para jogar sentado no sofá", fala o fotógrafo ao jornal americano "The New York Post". 

Pai musculoso compartilha treino com filho de 3 anos e faz sucesso na web

Ele conta que o objetivo não era emagrecer nem fazer dieta. Tudo foi apenas uma boa consequência por usar o joguinho que é febre em todo o mundo. "Comecei a jogar porque estava cercado por amigos que estavam brincando e isso também me trazia boas memórias da infância. Definitivamente perder peso não estava na minha mente". 

Caminhada e nova dieta

Roberto se esforçou bastante para conquistar os pokémons. Ele afirma que chegou a percorrer 40 km durante um dia de caçada. Ele jogava mais de 8 a 12 horas por dia! O fotógrafo monitorava a distância percorrida com aplicativo disponível no jogo e, depois de ter capturado todos os bichinhos (isso mesmo, todos!), ele tinha andado 265 km.

Tanto exercício e caminhadas por aí se refletiram na forma de Roberto. Ao finalizar o jogo, ele havia perdido 11 kg. 

O vício no Pokémon Go também ajudou Roberto a melhorar sua dieta e a fazer uma alimentação mais saudável. "Sempre que saía para jogar, levava uma garrafa de água comigo. Passei a comer mais frutas e vegetais. Quanto mais desses alimentos eu comia, mais energia eu tinha. Mais do que se tivesse comendo um lanche qualquer", detalha ao "New York Post".

Rotina mais saudável

 Sem se esfoçar muito ou pensar demais no assunto, Roberto seguiu o caminho indicado por 99,9% dos profissionais para se perder peso: aliar exercício a uma dieta saudável . E para quem é sendetário, como deveria ser o caso do fotógrafo, uma simples caminhada já é uma atividade e tanto. Se seguir o exercício regularmente, como Roberto fez, melhor ainda. 

E ele descobriu como a boa alimentação é fundamental. Uma dieta balanceada deve fazer parte da rotina de qualquer um, aquele que quiser perder peso ou não. Afinal, uma alimentação equilibrada fornecerá energia para todas as atividades do dia, até turbinar sua caçada no "Pokémon Go". 

    Leia tudo sobre: dieta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.