Modelo em homenagem ao piloto italiano e amigo pessoal do fundador da montadora francesa Bartolomeo "Meo" Costantini foi lançado na última semana, em Dubai

A terceira lenda de seis da série "Les Légendes de Bugatti" foi revelada. Todos os carros serão baseados no já conhecido Bugatti Veyron 16.4 Grand Sport Vitesse, mas este tem como inspiração o piloto italiano Bartolomeo "Meo" Costantini.

CURTA A PÁGINA DO DELES NO FACEBOOK

Nascido em 1889, Constantini foi piloto da Bugatti por oito anos, tendo vencido provas na Itália e na Espanha e se tornado amigo pessoal de Ettore, fundador da montadora francesa. Após encerrar sua carreira como piloto, "Meo" passou a ser diretor da equipe de corrida, cargo que manteve até 1935.

Assim como os carros em homenagem a Jean-Pierre Wimille e Jean Bugatti, o "Meo" Constantini também é personalizado com detalhes da carreira do italiano. Para lembrar a vitória de Bartolomeo em Targa Florio, na Sicília, o traçado da corrida está presente na parte de baixo do aerofólio traseiro e no interior do automóvel, entre os bancos.

Com portas cromadas e a pintura exclusiva "Bugatti Light Blue Sport", o esportivo com capacidade para acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 2,6 segundos terá uma produção limitada a três unidades. A estreia do carro aconteceu no Dubai Motor Show, na última semana.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.