Hennessey Venom GT, construído nos EUA, atingiu recentemente a velocidade de 435,31 km/h, pouco mais do que o Bugatti Veyron Super Sport, e está disponível para compra

Hennessey Venom GT atingiu 435,31 km/h no mês passado
Divulgação
Hennessey Venom GT atingiu 435,31 km/h no mês passado

O carro de produção mais veloz do mundo não é italiano, alemão ou inglês. É o francês Bugatti Veyron Super Sport, mas, fora do livro dos recordes, o título é de um norte-americano do Texas, o Hennessey Venom GT , detentor de uma velocidade de 435,31 km/h.

Para ter um desses na garagem é necessário entrar em contato com John Hennessey a tempo, uma vez que apenas 29 unidades - 11 delas já entregues - serão fabricadas, mas a própria empresa disponibilizou um modelo de 2013 para venda no site James Edition . O preço? US$ 1,2 milhão, cerca de R$ 2,8 milhões.

O Venom GT não é - oficialmente - o automóvel mais veloz do planeta porque há alguns requisitos para a marca ser reconhecida pelo Guinness Book, entre eles atingir a velocidade em percurso de ida e volta para compensar a influência do vento e ter uma produção mínima de 30 unidades, uma a mais do que a Hennessey pretende fabricar.

Só não espere que o futuro comprador do Venom GT ande a mais de 400 km/h com frequência. Para registrar o recorde, no mês passado, o piloto precisou de pouco mais de 5,1 km - o teste foi conduzido no Centro Espacial Kennedy, nos EUA - para acelerar e frear com segurança. A Hennessey acredita que sua menina dos olhos chega a 447 km/h.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.