Inspirado no filme estrelado por Michael Keaton e Jack Nicholson, carro pode andar nas ruas e já recebeu propostas de quase US$ 1 milhão, afirma Zac Mihajlovic, dono do veículo

Zac Mihajlovic e o Batmóvel que construiu para andar nas ruas
Reprodução/Daily Mail
Zac Mihajlovic e o Batmóvel que construiu para andar nas ruas

Fã de Batman desde pequeno, o australiano Zac Mihajlovic não é nenhum mecânico, mas, com ajuda do avô, este sim mecânico, e de uma oficina especializada, tornou seu sonho uma realidade: construir o Batmóvel do filme de 1989, estrelado por Michael Keaton como o Homem-Morcego e Jack Nicholson de Coringa.

Em 2009, 20 anos após o lançamento do filme, Mihajlovic comprou algumas partes do carro usado nas gravações, mas foi em 2010 que iniciou a construção do seu Batmóvel, após certificar-se com a Warner Brothers de que não seria processado por isso.

Ao site do Daily Mail , o australiano afirmou que "30% do carro é feito de partes do original utilizado nas gravações, o restante foi moldado e fabricado". O Batmóvel ficou pronto no final de 2011, mas ficou parado até o ano seguinte. Com a ideia de usar o carro nas ruas, Mihajlovic foi obrigado a fazer as adaptações exigidas de segurança, processo que terminou em dezembro passado.

Veja mais fotos do Batmóvel de Zac Mihajlovic:

No entanto, isso não quer dizer que o fã do Batman ande com o carro pelas ruas de Cobbity com frequência. Temendo acidentes de trânsito, Mihajlovic só tira o Batmóvel da "batcaverna" para eventos e passeios - 30 minutos a bordo do veículo custam 400 dólares australianos, equivalente a R$ 839. E, por falar em dinheiro, Zac revela que um empresário de Sydney e um sheik de Dubai fizeram propostas que beiraram o US$ 1 milhão, ambas em vão. "Não estou pensando em vender."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.