Fotógrafo queniano ficou posicionado em barreira para mostrar os "technicals", carros civis modificados para conflitos armados. Veja as fotos na galeria abaixo

Em meio a conflitos entre rebeldes e forças leais a Muamar Kadafi, quem viajaria até a Líbia? Em maio de 2011, cinco meses antes da morte de Kadafi, James Mollison, acompanhado da esposa Amber, foi ao país governado pelo ditador por mais de 40 anos.

Posicionado em uma barreira próximo de Ajdabiya, cidade considerada estratégica pelos dois lados, o fotógrafo queniano pedia que os rebeldes posassem com seus "technicals", nome usado para veículos civis, geralmente picapes, modificados para carregar armas, uma última vez antes de irem para a guerra. O resultado você vê na galeria de fotos abaixo. Para saber mais do trabalho de Mollison, basta entrar em seu site oficial .


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.