Troy Paiva trabalha apenas à noite e durante a fase de Lua cheia, por conta da iluminação. O resultado das idas noturnas a ferros-velhos na Califórnia é espetacular

Não parece, mas esta foto foi tirada à noite
Troy Paiva
Não parece, mas esta foto foi tirada à noite

Ao longo de 25 anos, Troy Paiva se especializou em fotografar paisagens abandonadas do Velho Oeste dos EUA, com duas condições em particular: sempre à noite e quase sempre na fase de Lua cheia, para aproveitar a iluminação natural.

Entre os locais visitados - Paiva conta que "invadiu" praticamente metade das locações fotografadas - estão cemitérios de aviões, hospitais e parques aquáticos abandonados, e ferros-velhos.

Para criar os efeitos coloridos de luz que você pode observar nas fotos da galeria abaixo, Paiva utiliza uma técnica chamada pintura de luz. Ele direciona a luz da lanterna que carrega para o objeto fotografado, que acaba ficando colorido por conta da longa exposição, necessária em fotos noturnas. E entre os objetos que Troy costuma capturar, os carros, quase sempre em estado de abandono total, são alguns dos seus favoritos.

Em "Paul's Junkyard", Paiva explora diversos carros, caminhões, ônibus e outros tipos de veículos, muitos deles usados em locações para filmes e séries. Desde 2001, o fotógrafo diz que passou 31 noites no ferro-velho, que também funciona como centro de reciclagem, seja tirando fotos ou dando aulas de fotografia.

Já "Pearsonville 2008" mostra a herança - e o fracasso - da família Pearson de criar um negócio próprio à beira da estrada na Califórnia. Posto de gasolina, pista de corrida e oficina mecânica construídos pela família a partir dos anos 60 estão abandonados, e dentro de um cercado, cerca de mil carros jazem ali. O local parece ser tão rico que rendeu três ensaios ao fotógrafo. Selecionamos algumas fotos dos dois trabalhos. Para ver outros, é só acessar o site oficial de Troy .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.