Patrocinadora do clube inglês por mais de R$ 100 milhões por temporada, montadora norte-americana deixou Camaros e Corvettes Stingray no CT do time para que Rooney, Van Persie e companhia usassem. Só que nenhum deles usa

Wayne Rooney, um dos destaques do United, dirige um Rang Rover
Getty Images/Alex Livesey
Wayne Rooney, um dos destaques do United, dirige um Rang Rover

Para estampar sua marca na camisa do Manchester United , a Chevrolet paga 28 milhões de libras esterlinas (equivalente a R$ 112 milhões) por ano ao clube inglês. O contrato entre as partes começou nesta temporada e é válido até 2021, ou seja, ainda serão investidos outras centenas de milhões de reais nos Diabos Vermelhos pelas próximas seis temporadas.

Para ampliar a exposição da marca, a montadora dos EUA deixou 15 carros, entre eles Camaros e Corvettes Stingray, à disposição do elenco, na esperança de que os jogadores os utilizassem para ir ou voltar do CT do clube, em Carrington.

O esforço dos norte-americanos é compreensível, mas, segundo o Daily Mail , nenhum dos astros da equipe se sentiu muito seduzido com os esportivos. O único que dirige um carro da patrocinadora é o treinador Louis van Gaal, com uma Captiva, mas que é sua.

Entre os atletas, Wayne Rooney, Ángel Di María e o ex-jogador e agora assistente técnico Ryan Giggs vão de Range Rover, o holandês Robin van Persie dirige um Porsche, enquanto o belga Marouane Fellaini é cliente da Mercedes-Benz.

Um porta-voz da Chevrolet afirmou ao tabloide inglês que os jogadores não são obrigados a usar os carros da marca e que trata-se de um programa voluntário. E de acordo com o clube, os voluntários são membros da comissão técnica.

Galeria: Suecos amam carros clássicos dos EUA, e encontro com lama mostra isso


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.