David Ortiz e Shane Victorino, do Boston Red Sox, atual campeão da MLB, tiraram suas barbas no início do mês. Elas foram guardadas em uma espécie de "troféu" e estão sendo leiloadas nos EUA. A de Ortiz tem lances de até US$ 5 mil

Barba de Shane Victorino. Quer dar um lance por ela?
Divulgação/Gillette
Barba de Shane Victorino. Quer dar um lance por ela?

A maioria dos apaixonados por esportes gostaria de ter a camisa, chuteira, raquete, luvas do ídolo, mas que tal a barba do jogador preferido na estante da sala de casa? Em parceria com o Movember , a Gillette está leiloando os antigos acessórios faciais de David Ortiz e Shane Victorino, do Boston Red Sox, atual campeão da MLB, principal liga de beisebol do mundo.

CURTA A PÁGINA DO DELES NO FACEBOOK

Cada "troféu" contém a barba do jogador, sua assinatura e o aparelho utilizado. Os lances pela de Ortiz já ultrapassam os US$ 5 mil (equivalente a R$ 11 mil), enquanto a de Victorino está na casa dos US$ 1,6 mil. A diferença faz sentido, uma vez que Ortiz foi o protagonista do time de Boston nas finais e levou o prêmio de MVP (jogador mais valioso) da World Series.

O leilão se encerra no dia 30 de novembro. Segundo a Gillette, o dinheiro arrecadado será destinado ao Movember, cujo objetivo é alertar os homens sobre doenças como câncer de próstata. "Fico feliz que a barba que me ajudou durante as finais agora possa levantar fundos para uma organização", diz Ortiz.

"Nós nunca fizemos algo parecido, mas a barba deles foi um símbolo da equipe desde a pré-temporada e se tornou parte da tradição do beisebol. Esperamos que ajudem a conscientizar o homem sobre a importância de algumas doenças e que encontrem um lar na casa de fãs apaixonados", afirma Hooman Shahidi, gerente de marca da Gillette.

David Ortiz é um dos principais jogadores do Boston e levou o prêmio de MVP das finais da última temporada
Getty Images/Jared Wickerham
David Ortiz é um dos principais jogadores do Boston e levou o prêmio de MVP das finais da última temporada


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.