Com uma política interna que proíbe jogadores, técnicos e dirigentes de ter barba, New York Yankees é "líder isolado" dos times de beisebol menos barbudos dos EUA e Canadá

Ranking elaborado por jornal dos EUA com os elencos mais e menos barbudos da MLB
Reprodução/Washington Post
Ranking elaborado por jornal dos EUA com os elencos mais e menos barbudos da MLB

No mundo da MLB, a principal liga de beisebol do mundo, a barba é mais do que um acessório facial. No Boston Red Sox, por exemplo, é uma superstição. Em 2013, após o time abrir a temporada com 18 vitórias e oito derrotas, os jogadores decidiram que iriam deixar a barba crescer até o final do campeonato, o que viria a acontecer em outubro, com a conquista do título.

Já no principal rival do Boston, o New York Yankees, a barba é praticamente um inimigo.

Parece folclore, mas o clube da Big Apple tem uma política rígida instituída pelo antigo dono George Steinbrenner, morto em 2010, que proíbe jogadores, treinadores e dirigentes de ter uma barba.

Para quem tem dúvidas, basta procurar por "core four", apelido dado ao quarteto de ídolos formado por Derek Jeter, Andy Pettitte, Jorge Posada e Mariano Rivera. Enquanto jogadores do New York, nenhum deles tem barba.

De olho nessa ligação entre beisebol e barba, o jornal Washington Post elaborou um interessante infográfico com o ranking das 30 equipes após analisar mais de mil fotos. O time menos barbudo, como esperado, é o New York Yankees. Veja quem são os demais na galeria de fotos abaixo.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.