Lakemaid Beer, em Wisconsin, testou e gravou experiência, mas já foi notificada pela FAA, Agência Federal de Aviação. Uso de drones para fins civis não é regularizado no país

Drone alugado pela Lakemaid Beer leva caixa com cervejas para pescadores no meio de lagos congelados
Reprodução/YouTube
Drone alugado pela Lakemaid Beer leva caixa com cervejas para pescadores no meio de lagos congelados

Nem todo mundo está morrendo de calor. Em boa parte dos EUA faz frio, com possibilidades de nevascas e certeza de temperaturas negativas. De olho naquele cliente que terá dificuldades para sair de casa, a Lakemaid Beer, cervejaria de Wisconsin, testou um novo meio de transporte para entregar suas cervejas: drones.

Em um vídeo divulgado na última semana, um cliente faz um pedido, passa as coordenadas de onde está e o drone então leva uma caixa com garrafas de uma cerveja criada para o frio.

Ao site do Yahoo!, Jack Supple, presidente da cervejaria, revelou que se inspirou no projeto de Jeff Bezos , da Amazon, e no perfil de seus consumidores. "Nossos clientes moram em trailers, no gelo. Eles sabem as coordenadas por GPS, é assim que eles se localizam no lago [congelado]." 

Supple acredita que seus drones têm uma vantagem em relação aos da Amazon porque a área de atuação da Lakemaid Beer não tem grandes concentrações urbanas. Ele afirma que os testes foram realizados em terrenos sem árvores ou torres de energia, apenas lagos congelados.

Com mais de 92 mil visualizações em poucos dias, o vídeo da cervejaria de Wisconsin chamou atenção, inclusive da Agência Federal da Aviação norte-americana (FAA, na sigla em inglês), que não ficou muito feliz e informou Jack que ele cometeu algumas violações. O uso de drones para atividades civis não deve ser regularizado antes de 2015.

LAKEMAID BEER ENTREGA CERVEJAS COM DRONE. ASSISTA AO VÍDEO:

* Bebidas alcoólicas são proibidas para menores de 18 anos. Se beber, não dirija.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.