Chope com abacaxi e cerveja de trigo com polpa de maracujá são algumas das novidades neste mês. Veja outras na galeria de fotos abaixo

Apache Pale Ale:  produzida pela Cervejaria Dortmund, de Serra Negra (SP), em parceria com a Mr. Beer, esta American Pale Ale é inspirada na cor dos índios que habitaram os EUA. Ela é leve, com teor alcoólico de 4,3%, 32 IBU e harmoniza com hambúrgueres, churrasco e pizza de calabresa. À venda na Mr. Beer por R$ 22,90 .

Golden Queen Bee: criada na Bélgica por Silvio Lemaitre de Freitas Pereira, trata-se de uma Belgian Strong Ale que leva flocos de ouro 24 quilates e mel em sua receita. Com teor de 8,8%, ela vem em garrafas de 750 ml ao custo de, em média, R$ 250 .

Cerveja Juan Caloto:  apelidada de "Wild West IPA mais procurada do Oeste", ela foi produzida por meio do site de financiamento coletivo Social Beers  e é fruto da parceria entre Victor Pereira Marinho e a Cervejaria Blondine, de Itupeva (SP).

Neblina Witbier: é o terceiro rótulo da Cervejaria Noturna, de São Paulo. Esta cerveja de trigo leva cascas de laranja, limão Tahiti e limão siciliano em sua receita, garantindo, segundo os fabricantes, um toque cítrico refrescante. Tem teor alcoólico de 4,5% e 15 IBU.

Cerveja de cinco anos da Dama Bier: a cervejaria de Piracicaba (SP) comemora seu aniversário de cinco anos no próximo dia 28, na própria sede, no interior de São Paulo. Além de cinco marcas convidadas (Seasons, Way, Tupiniquim, Weird Barrel e Wäls), eles vão lançar o rótulo comemorativo. As entradas custam a partir de R$ 90 (1° lote) e podem ser comprados aqui .

Jeffrey Niña:  para quem for ao  Reserva T.T. Burger , no Rio de Janeiro (RJ), uma das novidades é a cerveja Jeffrey Niña, da cervejaria carioca de mesmo nome. Com raspas de limão siciliano na receita, ela é indicada para harmonizar com hambúrgueres e pode ser encontrada à venda por R$ 16 aqui .

Harlekin Ananás: este chope é a resposta da Vila St. Gallen, em Teresópolis (RJ), para o forte calor carioca. Criada por Gabriel Di Martino, esta Tropical Wheat Ale é produzida com abacaxi, tem 6% de teor alcoólico e 25 IBU. Está disponível desde o início do mês até o final da estação: a caneca de 200 ml custa R$ 9,00; a de 400ml, R$ 15,00; e a bota, de um litro, R$ 35,00. Saiba mais sobre a Vila St. Gallen aqui .

Cervejas da Hop Valley:  a rede de franquias Mr. Beer está trazendo mais rótulos da cervejaria norte-americana Hop Valley. São elas: Hop Valley 541 Lager, releitura das lagers produzidas antes da Lei Seca de 1920 nos EUA (R$ 19,90 a lata); Hop Valley Double-D Blonde Ale, American Blond Ale com toque de malte de trigo e mistura dos lúpulos Cascade e Willmette (R$ 19,90 a lata); e Hop Valley Citrus Mistress IPA, IPA sazonal com quatro lúpulos e casca de grapefruit na receita (R$ 19,90 pela garrafa).

Iemanjá:  em parceria com Kathia Zanatta, do Instituto da Cerveja, a Cervejaria Nacional , na capital paulista, oferece desde o início do mês a Iemanjá, cerveja de trigo com adição de semente de coentro, pimenta rosa, casca de laranja Bahia e polpa de maracujá. Apenas 500 litros foram produzidos, que serão servidos enquanto durar o estoque (R$ 18 no copo de 320 ml, R$ 26 pelo copo de 550 ml). Ela tem 4,5% de teor alcoólico e 15 IBU.

* Bebidas alcoólicas são proibidas para menores de 18 anos. Se beber, não dirija.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.