Ex-atriz pornô decide voltar ao ramo por não conseguir uma "vida normal"

Por iG São Paulo |

Texto

Após oito anos afastada dos filmes adultos, Gauge vai retomar a carreira. "É muito difícil fazer 'algo legítimo' quando você sai. Toda vez que alguém me reconhecia eu era discriminada", diz

Reprodução/Twitter
Após oito anos longe da indústria pornográfica, Gauge decidiu voltar a fazer filmes

Assim como Sasha Grey, ex-atriz pornô que causou certo furor durante sua passagem pelo Brasil, na última semana, Gauge está aposentada do ramo. Sua aposentadoria dos filmes adultos aconteceu em 2005, mas hoje, aos 33 anos, ela está pronta para voltar à ativa.

Ao contrário de Sasha, Gauge não emplacou uma carreira longe do pornô com participações em filmes, séries de televisão, bandas ou com um livro próprio. Ela foi dançarina erótica por algum tempo após deixar a indústria, decidiu fazer faculdade, mas não deu certo.

"É muito difícil fazer 'algo legítimo' quando você sai do ramo. Fiz trabalho voluntário, assistente de cirurgia, e toda vez que alguém me reconhecia eu era discriminada", diz a atriz em entrevista ao diretor Billy Watson - o vídeo está disponível no YouTube (áudio em inglês).

"Eu amava a faculdade, mas um estudante anestesista me reconheceu, contou para os médicos, para as enfermeiras. Eu era a melhor da classe, mas todos me tratavam mal. Ia para a sala das enfermeiras, e elas estava me vendo no computador. Fiquei arrasada. Estava ali para aprender, não para ser oprimida", conta.

Gauge questiona as pessoas que a reconhecem dos filmes: "Elas são duras comigo porque fui uma atriz pornô, mas e quem viu? Meu pecado de ter feito não é maior ou menor de alguém que consome".

"Não é como se eu fosse uma molestadora de crianças, como se eu tivesse sido condenada, qualquer coisa assim. Uma das razões que me levou voltar é que desde que saí da indústria, as 'pessoas normais' foram mais cruéis, duras e egoístas do que qualquer atriz, ator ou diretor com quem trabalhei. Eles são mais duros que todo mundo", completa.

Leia tudo sobre: pornôpornografiasasha greygaugemais lidas
Texto

notícias relacionadas