Dados de site mostram preferências dos americanos na hora de ver pornografia

Por iG São Paulo |

Texto

"YouTube do pornô", PornHub divulgou dados de navegação dos usuários dos EUA. Moradores do Mississippi passam em média quase 2 minutos no site

Getty Images
Dados de site pornográfico revelam o tempo de permanência e os itens mais buscados pelos usuários nos EUA

Espécie de "YouTube do mundo pornô", o site PornHub divulgou nesta semana os dados com as preferências dos internautas de cada um dos 50 estados norte-americanos. O líder de permanência no site é o Mississippi, no sul do país, com uma média de quase 12 minutos.

Já os itens mais buscados pelos usuários do Mississippi são "teen" (jovens), "creampie" (termo utilizado para ejaculação interna) e "milf" (abreviação para "Mom I'd Like To Fuck", ou vídeos com mulheres mais "maduras").

Curiosamente, dos três estados da Costa Oeste americana, dois, Califórnia e Washington, tem uma preferência por "asians", que pode significar asiáticas ou asiáticos, assim como no Havaí. Quem mora no arquipélago também costuma procurar bastante por conterrâneos ou filmes gravados por lá, uma vez que "hawaii" é o segundo assunto mais buscado no estado.

No Texas, segundo estado mais populoso dos EUA, atrás apenas da Califórnia, "teen" é a categoria que desperta mais curiosidade, enquanto em Nova York, os moradores da Big Apple preferem vídeos que tenham relação com "college" (faculdade), "massage" e "milf". Veja abaixo quem passa mais tempo navegando no "YouTube do pornô":

1. Mississippi: 11 minutos e 59 segundos
2. Havaí: 11 minutos e 53 segundos
3. Arkansas: 11 minutos e 43 segundos
4. Alabama: 11 minutos e 40 segundos
5. Louisiana: 11 minutos e 36 segundos
6. Geórgia: 11 minutos e 34 segundos
7. Maryland: 11 minutos e 24 segundos
8. Oklahoma: 11 minutos e 20 segundos
9. Washington D.C.: 11 minutos e 20 segundos
10. Carolina do Sul: 11 minutos e 18 segundos

Leia tudo sobre: euapornografiasexopornhub
Texto

notícias relacionadas