Colecionador de livros, fotos e documentos que ajudam a contar a história do sexo na França, Alexandre Dupouy recebeu uma valiosa coleção nos anos 70 e que ele publica agora, quase 40 anos depois

Fotos do
Reprodução/Vice
Fotos do "Monsieur X"

Por quase 40 anos, Alexandre Dupouy manteve em sua coleção o que encontrou no porta-malas de um carro nos anos 70. 

Veja também: Fotógrafo revela "jogo da espera" de garotas de programa na Espanha

Na época, em 1975, um homem que ficaria identificado como "Monsieur X" o presenteou com diversas fotos em preto e branco.

Eram fotografias de garotas de programa francesas, tiradas nos anos 20 e 30, em um bordel de Paris. Segundo o site francês da Vice , o "Monsieur X" estava em idade avançada e gostaria de repassar suas fotos para alguém, desde que a identidade do fotógrafo fosse mantida em segredo, o que de fato aconteceu.

Apelidado de "arqueologista do sexo" pela Vice, Dupouy não foi escolhido por acaso. Alexandre é um colecionador detudo que envolve sexo, erotismo, pornografia e a França, e decidiu levar a público o trabalho do "senhor X" com "Mauvaises Filles", livro que reúne diversos retratos de prostitutas feitos pelo autor anônimo.

Dupouy estima que as fotos foram tiradas entre 1925 e 1935 por conta dos carros que aparecem em algumas delas, e acredita que o autor fosse amigo das garotas, uma vez que seus nomes estão nos versos das imagens. Leia a entrevista ( em inglês ) aqui e veja mais fotos (algumas contêm nudez frontal) na galeria abaixo:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.