Tamanho do texto

A iniciativa do barbeiro foi tão bem recebida pelos moradores de rua e por ativistas, que a história virou tema de filme

Barbeiro Nasir Sobhani, de 26 anos, usa único dia de folga para cortar cabelo de moradores de rua
Reprodução/Instagram
Barbeiro Nasir Sobhani, de 26 anos, usa único dia de folga para cortar cabelo de moradores de rua

O altruísmo e a boa vontade do barbeiro Nasir Sobhani, de 26 anos, vêm chamando a atenção dos moradores de Sydney, na Austrália. Ex-usuário de drogas, Sohbani criou o projeto chamado "Clean Cut, Clean Start" ("Corte limpo, início limpo", em português), em que vários barbeiros e cabeleireiros voluntários percorrem as ruas da capital nos dias de folga do salão para cortar o cabelo e fazer a barba de moradores de rua de graça.

Também conhecido como "barbeiro das ruas", ele teve essa ideia há cerca de um ano, como uma maneira de agradecer a sua própria sobriedade, além de ajudar quem realmente precisa de um novo começo na vida, segundo a entrevista concedida por Nasir ao jornal Herald Sun.

A iniciativa do barbeiro foi tão bem recebida pelos moradores de rua e também por ativistas, que a história virou tema de filme.

Veja algumas das tranformações que o barbeiro das ruas já promoveu:

"Um corte de cabelo pode fazer tanto por alguém, e é por isso que eu chamei o que eu faço de 'Clean Cut, Clean Start'", comenta Sobhani no documentário "O Barbeiro das Ruas".

"Eu espero que com esse corte limpo - por mais simples que seja - você pode ter um início de vida limpo", diz.

O jovem teve essa ideia há cerca de três anos, quando ainda morava no Canadá e trabalhava como assistente de barbeiro em um salão de Melbourne. Um dia, um homem se ofereceu para limpar as janelas do salão em troca de um corte de cabelo, e contou a Sobhani que estava há um mês livre das drogas, e por isso comemoraria com um corte de cabelo.

"Foi aí que eu percebi que eu poderia ajudar e encorajar a mudança daquele homem, e tudo o que eu fiz foi fazer o que eu amo. Então, talvez eu devesse continuar fazendo isso", lembrou. "Você já ganha uma certa confiança quando corta o cabelo, imagina o que isso significa para alguém que está em um mau momento na vida."

Além do documentário, Sobhani também registra o projeto e a transformação dos moradores de rua em uma conta no Instagram

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.