Tamanho do texto

Após interceptarem os dois, polícia apreendeu câmera de vídeo e constatou por meio das imagens que eles haviam cometido uma série de infrações

Motociclistas foram multados em 22,2 mil dólares canadenses por infrações
Thinkstock/Getty Images
Motociclistas foram multados em 22,2 mil dólares canadenses por infrações

Ser ultrapassado por motociclistas - e outros carros - que estão bem acima da velocidade permitida, geralmente entre 100 e 120 km/h, é uma cena comum em algumas estradas que levam ao interior de São Paulo. E alguns usam  câmeras portáteis acopladas ao capacete, registrando tudo que fazem. 

No Canadá isso também acontece, só que a história não acabou bem para dois motociclistas de Ottawa, capital do país. De acordo com informações do site CBC News, a polícia de Quebec, maior província canadense, multou os dois em 22,2 mil dólares canadenses, equivalente a R$ 46,7 mil.

Testemunhas disseram à polícia que os motociclistas, um homem de 26 anos e outro de 29 anos, dirigiam acima da velocidade e de forma perigosa na tarde do último sábado. Após serem interceptados, policiais afirmaram que eles tentaram esconder uma câmera, mas ela acabou apreendida.

Por meio das imagens, os oficiais identificaram diversas infrações cometidas no dia. O motociclista de 26 anos foi multado em C$ 11,2 mil e 116 pontos na carteira, enquanto de 29 anos terá que pagar C$ 10,9 mil e somou 113 pontos na carta. No Canadá, motoristas têm a carta suspensa quando passam dos 15 pontos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.