Tamanho do texto

Jogador do Miami Heat dá nome a edição exclusiva da Audemars Piguet. Relógio será limitado a 600 unidades e custará mais de US$ 50 mil

LeBron James é embaixador de grife suíça de relógios desde 2011
Divulgação
LeBron James é embaixador de grife suíça de relógios desde 2011

O que falta para LeBron James? O ala do Miami Heat vem de dois títulos seguidos na NBA, sendo eleito o MVP (melhor jogador do campeonato) na temporada e nas finais em ambos os anos, tem três medalhas olímpicas (duas de ouro e uma de bronze), se casou no mês passado com Savannah Brinson, com quem tem dois filhos, e é considerado, com toda a razão, o melhor jogador de basquete da atualidade. Se algum louco disser que falta ao jogador ter o próprio relógio, agora ele tem.

A fabricante suíça Audemars Piguet anunciou na última semana que o ala do Heat terá uma edição exclusiva da linha Royal Oak Offshore Chronograph com seu nome. Aparentemente, o acessório não tem nada que remeta ao mundo do basquete. A coroa, de 44 mm, é de ouro rosado 18 quilates, enquanto a pulseira é cinza e feita de couro de jacaré - uma pulseira adicional de borracha vem junto.

Apenas 600 unidades do relógio do "King James", como ele é apelidado, serão produzidos, e cada um custará ao bolso do dono cerca de US$ 51 mil (equivalente a R$ 112 mil). Enquanto LeBron lança seu mais novo brinquedo, a NBA se encontra em seus últimos dias de férias.

A principal liga de basquete do mundo reinicia suas atividades neste sábado, com quatro partidas programadas de pré-temporada. O Brasil, inclusive, irá sediar o jogo entre Chicago Bulls e Washington Wizards, no dia 12. Já a temporada regular começa no final do mês, no dia 29. Atual campeão, o Miami de James vai receber o Chicago.

Relógio com o nome do jogador terá 600 unidades, cada uma por cerca de US$ 51 mil
Divulgação
Relógio com o nome do jogador terá 600 unidades, cada uma por cerca de US$ 51 mil


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.