Tamanho do texto

Em "O Negócio", nova produção da HBO, Rafaela Mandelli, Juliana Schalch e Michelle Batista vivem três prostitutas de luxo que empreendem no ramo em busca de autonomia e independência financeira

Revolucionar a "profissão mais antiga do mundo", também conhecida como prostituição. Esta é a premissa de "O Negócio", nova produção original da HBO e que estreia hoje, às 21h, no canal pago. Mas revolucionar de que forma? Marketing.

Rafaela Mandelli, Juliana Schalch e Michelle Batista vivem três garotas de programa que resolvem empreender no ramo de prostituição de luxo. "Elas têm a ideia de usar estratégias de marketing para conseguir se firmar na profissão e ser autônomas. Então elas se tornam mulheres de negócios", diz Rafaela.

Com passagem por novelas da Globo e Record, além do cinema nacional, Rafaela vive Karin, prostituta que está há mais tempo na profissão - ela também é a mais velha do trio de protagonistas - e que toma a dianteira no novo negócio porque sabe que não lhe restam muitos anos de carreira.

Juliana é Luna, a romântica. "Ela entra a profissão com o objetivo de que ela seja por um tempo determinado. O objetivo maior dela é casar, ter um cliente só na vida inteira", diz a atriz de 28 anos. E fechando o trio, Michelle faz Magali, a mais "nova, impulsiva e desmedida", que vem de uma família rica que perdeu tudo, e agora descobre uma nova maneira de manter o antigo padrão de vida.

NEGÓCIOS E SEXO

Criador da série ao lado de Rodrigo Castilho, Luca Paiva Mello afirma que os dois tinham o plano de abordar negócios e sexo, "dois potentes motores do mundo", mas não sabiam como. Influenciado pelo que chama de "geração empreendora", Mello imaginou o que aconteceria com três prostitutas que se veem estagnadas e querem dar um salto na carreira.

"Como que elas vão mudar esse funcionamento [do mercado]? Aí eu lembrei dos livros de marketing do meu pai. Fui olhar. Marketing. Marketing é como mudar essa história, é como transformar o produto, como transformar o serviço, oferecê-lo de maneira completamente nova. Como fazer isso? Marketing. Espero que meu pai goste do uso que fiz dos livros", diz.

Rafaela, Juliana e Michelle falam ao iG sobre "O Negócio". Assista:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.