Tamanho do texto

Segundo Chloe Mafia, o comandante ainda fumou e pediu uma champanhe, organizando uma verdadeira festa em pleno voo

Um piloto da companhia aérea Kuwait Airways foi demitido depois que recebeu a visita da atriz pornô Chloe Mafia na cabine do avião em pleno voo, na rota Londres/Nova York - ele não teve o nome divulgado. A decisão foi anunciada pelo Ministro dos Transportes kuwaitiano, Eisa Al Kindari, afirmando que o profissional teve uma irresponsabilidade sem precedentes, violando o código de segurança da aviação.

Chloe Mafia na cabine do avião
Reprodução
Chloe Mafia na cabine do avião


O fato aconteceu em julho deste ano, com algumas fotos e um vídeo sendo vazados pela própria atriz, mas a demissão do comandante saiu apenas nesta semana. Nas imagens, Chloe Mafia aparece no cockpit da aeronave acompanhada de algumas amigas, também atrizes do cinema adulto.

Em entrevista ao diário britânico Daily Star, Chloe disse que uma aeromoça avisou ela e as amigas que o piloto queria vê-las na cabine. "Fomos lá, eles trancaram a porta e o capitão apresentou-se. Ele disse que ele era quem fazia as regras do voo", comentou a atriz. 

Chloe Mafia e uma amiga no avião
Divulgação
Chloe Mafia e uma amiga no avião


"O piloto pediu uma garrafa de champanhe para a aeromoça e começou a fumar ali mesmo. Achei estranho, porque isso é proibido em avião, mas ele disse que poderia fazer o que quisesse. Sentamos no seu colo, ele mostrou todos os botões do painel, vestimos o chapéu dele e ele disse até que poderíamos pilotar o avião", finalizou.

Confira o vídeo feito por Chloe no cockpit:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.