Tamanho do texto

Não vá achando que é uma posição mirabolante, ela é muito comum, porém perigosa, isso é o que indica uma pesquisa que analisou diversos casos reais

O sexo é prazeroso, mas também pode ser perigoso. Já imaginou a dor que deve ser o pênis quebrar durante a relação? Isso é possível e a posição sexual conhecida como "cachorrinho" pode facilitar que isso aconteça. 

Leia também: Tire todas suas dúvidas sobre pênis

A posição sexual estilo
shutterstock
A posição sexual estilo "cachorrinho" é a que mais faz o pênis quebrar durante o sexo


Um estudo publicado na revista científica "Nature" descobriu que essa posição sexual , na qual o homem penetra a mulher por trás, foi considerada a pior por causar fraturas do pênis frequentemente. Em segundo lugar ficou a posição em que o homem fica por cima.

De acordo com informações do portal britânico “Huffington Post”, a pesquisa contou com a participação de 90 homens, de 18 a 66 anos, que já sofreram fraturas no pênis. Os pesquisadores fizeram a seguinte divisão para análise: masturbação ou manipulação do pênis e posições com o homem por cima, com a mulher por cima e as que o casal rola na cama.

Posição perigosa

Para os estudiosos, ficou claro que a posição estilo "cachorrinho" é sem dúvidas a mais perigosa, representando 69 casos de quebra de pênis. A posição em que o homem fica por cima somaram 23 casos e com a mulher dominando a situação, apenas nove.

Leia também: Quebrou, e agora? Saiba o que fazer quando sofrer fraturas no pênis

Posição cachorrinho é a mais perigosa para o homem, então cuidado!
Renato Munhoz (Arte iG)
Posição cachorrinho é a mais perigosa para o homem, então cuidado!


Ao se tratar da gravidade da fratura, os pesquisadores descobriram que não havia realmente uma diferença entre o estilo "cachorrinho" e quando o homem está por cima. No entanto, a primeira citada definitivamente causou fraturas mais severas do que a posição em que a mulher fica por cima. A conclusão foi que quando a mulher é a dominadora da relação, há menos chances do homem sofrer com fraturas bilaterais do corpo cavernoso e lesões uretrais.

Como evitar lesões? 

Para evitar que tais feridas aconteçam durante momento a dois, a terapeuta sexual Ammanda Major diz que é fundamental estar atento às posições que pretende executar com a parceira. “É importante ter uma consciência de quais posições sexuais podem potencialmente causar problemas, mesmo sabendo que no calor do momento, pode ser difícil se lembrar disso”, diz a profissional.

Leia também: Sabia que o formato do seu pênis pode ser indício de doença séria? Veja mais

O especialista em sexo Tracey Cox aconselha os homens a segurarem o quadil da parceira para garantir que elas permaneçam no mesmo angulo e posição sexual durante o ato e acrescenta que também é mais seguro realizar o "cachorrinho" no chão do que na cama ou em cima de um lugar instável, como uma mesa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.