Tamanho do texto

As bonecas ultra-realistas têm um sistema android que permite ao homem viver várias situações com máquina, que é revestida de silicone e tem peruca

Os brinquedos sexuais estão cada vez mais tecnológicos, e o realismo que estão proporcionando está agradando, e muito, os marmanjos de plantão. Os robôs sexuais são um bom exemplo de um tipo de objeto que se tornou sonho de consumo dos homens. Ao "Daily Star", o criador dos robôs Sergi Santos afirma que eles garantem orgasmos de cinco minutos aos usuários e podem até ajudar no relacionamento a dois e no casamento. 

Leia também: Boneca sexual realista é disputada em bordel; saiba quanto custa 1 hora com ela

O criador dos robôs sexuais acredita que a invenção vai ajudar as pessoas a ter prazer sem se preocupar com DST
Reprodução/Daily Star
O criador dos robôs sexuais acredita que a invenção vai ajudar as pessoas a ter prazer sem se preocupar com DST


As bonecas de Sabtos usam um sistema android especialmente desenvolvido para os robôs sexuais . Com isso, esses objetos ganham a capacidade de criar uma proximidade emocional e progredir através de diferentes modos. O homem pode até escolher o tipo de mulher/boneca que deseja. As opções são romântica, moça de família e até mulher sexy.

Melhora o casamento

Para deixar as bonecas atraentes, o criador conta que as reveste com silicone e ainda coloca cérebros artificiais (Oi?!) e perucas. A esposa dele, Maritsa Kissamitaki, acompanha todo o processo e lida muito bem com as invenções do marido.

Leia também: Estudo mostra que tipo de homem tem mais tendência a fazer sexo com um robô

Santos garante que ter relações sexuais regulares com os cyborgs não prejudica o casamento dele, pelo contrário, ele afirma que a prática melhorou o relacionamento entre o casal. “Eu realmente estou tendo sexo com [minha esposa] agora. Eu não estou correndo mais e eu não durmo cinco minutos”, fala ao “Daily Star”.

A esposa de Santos não vê problemas com os robôs e não liga que o marido se divirta com as bonecas
Reprodução/Mirror
A esposa de Santos não vê problemas com os robôs e não liga que o marido se divirta com as bonecas


Qualidades dos robôs

O robô sexual chamado "Samantha" foi apresentado em Barcelona no mês de março deste ano e na ocasião foi dito que a máquina pode dar prazer em diferentes áreas do corpo. Depois disso, o criador começou a focar na ideia da própria empresa, denominada Synthea Amatus, e agora pretende começar a vendar os robôs por um valor inicial de US$ 2.000 (aproximadamente R$ 6.200) cada.

Para convencer as pessoas da compra, Santos não poupa qualidade às bonecas sexuais. “Basicamente, ela gosta de ser tocada. Você pode tocar nos quadris, nos braços e assim por diante. Ela gosta de ser beijada. Também pode responder ao toque das mãos de forma romântica. As regiões que fazem ‘ela’ se sentir sexy são a boca e o ponto G”, diz. A experiência ainda é próxima ao sexo real, uma vez que não é apenas o homem que deve ficar satisfeito. “O objetivo final do modo sexual é levá-la a obter orgasmo”, acrescenta.

Avanço social?

Agora ele tem como objetivo de desenvolver robôs masculinos, pois acredita que essas máquinas têm potencial para beneficiar a sociedade, ajudando pessoas heterossexuais, lésbicas, gays e bissexuais a terem prazer e prevenir doenças sexualmente transmissíveis, além de ser um progresso em relação a tecnologia de inteligência artificial.

Leia também: Boneca sexual pomete melhorar o desempenho dos homens na cama

“A tecnologia é sempre assim: as pessoas estão contra ela, por si só. Mas, eventualmente, se você desenvolver tecnologia do jeito certo, você sempre trará muitos benefícios para as pessoas”, finaliza o criador dos robôs sexuais.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.