Tamanho do texto

Sem ereção há dois anos, o marido pediu conselhos em uma rede social sobre como falar isso para a parceira sem parecer algo estranho e gerou polêmica

Se sua parceira sai com outros caras com seu consentimento, isso é uma traição? Um homem com problemas de disfunção erétil e que sofre com a impotência há mais de dois anos teve uma ideia que vem dividindo opiniões ao buscar uma maneira de salvar seu casamento. “Vou deixar minha esposa ter sexo extraconjugal”, afirma ele. 

Leia também: Infiel: Homem trai a mulher mais de 23 vezes e explica o motivo

Com problemas sexuais, homem sofre com impotência há dois anos e resolver deixar mulher fazer sexo fora do casamento
shutterstock
Com problemas sexuais, homem sofre com impotência há dois anos e resolver deixar mulher fazer sexo fora do casamento


À procura de conselhos, o homem, que preferiu não se identificar, fez uma postagem na rede social Reddit comentando a decisão e desde então, a publicação tem recebido inúmeros comentários. No relato ele diz que tem 52 anos, a esposa 39 anos. Segundo informações do portal britânico “Daily Mail”, eles estão casados há sete anos e há algum tempo o assunto impotência assombra o casal.

Desejo de salvar a relação

“Eu tenho diabetes tipo 2 e não tenho uma ereção há dois anos. Cialis, Viagra e até a bomba de peniana não foram eficazes para mim”, afirma o homem na rede social. “Não sei se vou conseguir recuperá-lo [o pênis] novamente, então estou tentando descobrir a melhor maneira de oferecer a minha mulher um passe livre de sexo ocasional com outros caras”, completa.

Leia também: Homem descobre traição e surpreende namorada com "presente"

O marido também revela detalhadamente os motivos pelos quais ele está considerando fazer uma proposta tão inusitada quanto essa: “Temos um relacionamento maravilhoso, mas, infelizmente, não podemos extrair prazer suficiente um do outro”. Por isso, ele quer dar essa opção para a esposa, tentando evitar uma traição, e acredita que isso não irá atrapalhar o relacionamento deles.

Ideia absurda? 

Depois da explicação, o homem lançou a seguinte pergunta: “Qual seria a melhor forma de fazer essa oferta de um jeito sincero e amoroso?”. Mas, ao invés de dicas, as pessoas começaram a dar opinião sobre o assunto.

Um internauta aconselhou: “Não faça isso, pois parece horrível. Você provavelmente vai chorar depois”. Outro concorda: “Eu sugiro que você mude de ideia imediatamente. Muitos problemas surgem por conta de situações como essa, então cuidado ao optar por abrir o relacionamento”.

Falta de imaginação ou esperteza?

Em muitos comentários, as pessoas dizem que ele pode manter a vida sexual viva sem precisar envolver outras pessoas. “Você pode dar intimidade emocional. Você pode dar intimidade física. Você pode ser um parceiro incrível”, coloca um internauta. “Sua boca ainda funciona. Seus dedos ainda funcionam”, aponta outro. “Não vejo nenhuma razão para que você não possa se tornar o homem mais habilidoso do universo ao usar brinquedos sexuais”, acrescenta mais um internauta.

Leia também: Marido é pego pela mulher tentando fazer sexo com a melhor amiga dela

Há também quem acredite que essa ideia de manter um relacionamento aberto trará muitos benefícios para o casal. Esses internautas dizem que se ele não se sente incomodado em imaginá-la com outro homem e se, por conta da impotência, ele não se sente capaz de satisfazê-la, oferecer um “passe livre de sexo” é a melhor alternativa, desde de que fique claro que tudo não pode passar de sexo, ou seja, sem envolvimento emocional.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.