Tamanho do texto

Com tantos tipos de suplementos no mercado (incluindo opções veganas), é preciso conhecer bem suas funções, indicações e os riscos da ingestão errada

Os suplementos alimentares têm a função de potencializar os ganhos de quem pratica atividade física com frequência e segue uma dieta regrada. Esses produtos podem ajudar o homem a ganhar peso , massa muscular e a repor alguns tipos de vitamina. De acordo com Antônio Carlos Rezende, diretor da Buzzy Foods, eles costumam concentrar substâncias que o corpo pode estar precisando, como vitaminas, minerais, fibras, proteínas , aminoácidos, ácidos graxos, ervas e extratos, probióticos e enzimas.  

Existem diversos suplementos alimentares e especialista diz que é fundamental  ingerir apenas o que o corpo precisa
shutterstock
Existem diversos suplementos alimentares e especialista diz que é fundamental ingerir apenas o que o corpo precisa



“Sua funcionalidade é complementar a alimentação de indivíduos saudáveis. É a matéria prima da qual o indivíduo irá extrair energia e nutrientes para assegurar sua saúde e seu desempenho físico”, afirma Rezende. Ainda que tenham a função de auxiliar o funcionamento do corpo e sejam compostos por substâncias benéficas, é preciso muito cuidado na hora usar os suplementos alimentares , pois os efeitos colaterais causados pelo mau uso deles costumam ser graves

Quando suplementos alimentares podem ser usados?

Antes de comprar um suplemento, é preciso saber exatamente quais são as necessidades do corpo, e a única forma de ter essa resposta é consultando um médico ou um especialista em nutrição. Isso é importante porque os suplementos possuem diferentes finalidades e, para ficar mais claro, o especialista dá alguns exemplos de substâncias que podem ser encontradas no mercado, explicando a funcionalidade de cada um:

  • Suplementos hipercalóricos: são indicados para pessoas que desejam ganhar peso, pois possuem um valor energético alto;
  • Suplementos proteicos: são ricos em proteínas e indicados para o aumento de massa muscular, pois ajudam na recuperação dos músculos após os treinamentos;
  • Polivitamínicos: são indicados para indivíduos com algum tipo de carência vitamínica.

Como escolher os melhores suplementos alimentares?

Cada um dos suplementos alimentares tem uma função, e só um especialista pode dizer qual é o mais indicado
shutterstock
Cada um dos suplementos alimentares tem uma função, e só um especialista pode dizer qual é o mais indicado


O grande problema é que o desejo por  ter um corpo definido de forma rápida faz muitos homens abusarem dessas substâncias, mas Rezende alerta que, antes de usar esses produtos, é sempre necessário ter um plano alimentar determinado por um profissional certificado. Também é necessário ficar atento às resoluções estabelecidas pela ANVISA, que regulamenta os suplementos comercializados no Brasil.

“Os produtos importados devem obedecer às mesmas resoluções, por isso, é importante consultar o rótulo do produto e identificar quem é o fabricante, importador e distribuidor”, ressalta o especialista, lembrando que as compras feitas pela internet merecem um cuidado a mais.

“Não é indicada a compra de suplementos em sites que não sejam brasileiros. Há um alto risco de mercadoria adulterada, que não seguem as determinações da ANVISA e, também, há alto risco do consumidor não receber o produto.”

Quais os efeitos de usar suplementos alimentares de forma errada?

De acordo com Rezende, é preciso ter claro que esse produto pode ajudar, mas que os efeitos positivos só vão aparecer se ele estiver suplementando alguma substância de que o corpo realmente precisa. Também é necessário ingerir corretamente as doses diárias para evitar o excesso de proteínas no corpo.

“Se consumidos de forma errada, os suplementos podem acarretar problemas nas funções renais, hepáticas e até cardíacas. Além disso, é fundamental verificar se o consumidor é alérgico ou intolerante a algum ingrediente do suplemento”, alerta o especialista.

Como são os suplementos alimentares veganos?

Rezende afirma que os suplementos proteicos são feitos a partir da proteína do soro do leite, e que isso pode trazer riscos para quem tem problemas no coração, nos rins ou no fígado. “O suplemento usado sem a indicação correta ou em doses muito grandes pode sobrecarregar esses órgãos e comprometer seu funcionamento. O mesmo alerta vale para os diabéticos e os intolerantes à lactose”, fala o especialista.

Por conta disso, Rezende ele acredita que as proteínas veganas que, além de apresentarem todos os aminoácidos necessários para o bom funcionamento do organismo, são digeridas com mais facilidade, não trazem aditivos químicos e têm uma produção de menor impacto ambiental.

“Outro benefício importante dos suplementos alimentares  veganos é a contribuição para a saúde cardiovascular, porque essas proteínas contêm baixo índice de gorduras, são livres de colesterol e podem ajudar a regular a pressão arterial”, conclui o profissional.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.