Tamanho do texto

Ter um filho é uma grande responsabilidade e muitos homens, mesmo com condições de dar uma ótima vida para a criança, preferem descartar a ideia; o que você acha?

Em 2011, depois do filme "Os Descendentes", em que interpretou um pai de dois filhos, George Clooney disse que "a coisa boa de reproduzir um pai em cena é que, no final do dia, você devolve a criança".  

George Clooney já disse que não quer ser pai
Getty Images/Kevork Djansezian
George Clooney já disse que não quer ser pai



Henry Deedes
Reprodução DailyMail
Henry Deedes

Como o astro de Hollywood, Henry Deedes também encara a paternidade como uma "sentença de prisão". Ele escreveu um texto, publicado pelo jornal "Daily Mail", em que explica o porquê de ter escolhido não dar continuidade ao nome de sua família. 

"Gosto de criança, tenho um afilhado de quem sou muito próximo e não perco nada. Sempre vou aos aniversários dele. Mas, mesmo gostando, dispenso a ideia de ter um filho. Nunca senti a necessidade de me multiplicar, passar meus genes para outra pessoa. Além disso, o preço de tudo assusta. Escolas privadas? Esquece! Um amigo meu foi matricular o filho recém-nascido e cobraram mil euros (algo em torno de R$ 4.500). Para mim, ter um filho é algo como iniciar a sua própria empresa", explica ele. 

Hery não pretende ter filhos
Reprodução DailyMail
Hery não pretende ter filhos


Henry terminou o casamento de 12 anos e, depois disso, qualquer chance de ser pai, mesmo que remota, acabou, diz ele.

"Não sei se estou fazendo a escolha correta, posso estar perdendo muita coisa, mas estou ganhando também. Fico horrorizado com o pouco tempo que pais jovens têm para si. Eu posso fazer o que quiser e aproveitar tudo que minha cidade me oferece".

Você concorda com a visão de Henry? 



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.