Tamanho do texto

Perder gordura abdominal é algo tão complicado que acaba desmotivando. Para isso não acontecer, confira os conselhos do especialista fitness

Está querendo se livrar do excesso de gordura localizada ou daquela barriguinha de chopp? Se você tenta e falta disciplina, é bom você seguir os conselhos de Scott Evennett, que fez parte do antigo comando militar australiano e atualmente é treinador de fitness, fisiculturista e especialista motivacional.  Ele acredita tanto que “o mínimo que você deve esperar de você mesmo é sempre o seu melhor” que leva isso como lema.

Leia também: Hipertrofia: veja dicas de exercícios e dieta para ganhar massa e "crescer"

Scott Evennett é treinador e explica como a disciplina do comando militar pode ajudar a se manter fitness
Reprodução/Daily Mail
Scott Evennett é treinador e explica como a disciplina do comando militar pode ajudar a se manter fitness


O treinador fala sobre dietas e como encontrar a melhor forma de fazer os exercícios, perder peso e definir o abdômen. E nada de desistir pelo meio do caminho, mesmo que esse caminho seja complicado. “O exercício é fisicamente e mentalmente desafiador, não há dúvida sobre isso”, afirma ao portal “Daily Mail Austrália”.

Disciplina no lugar da motivação

A primeira coisa é deixar aquelas velhas desculpas de lado é perceber que essa é uma luta de você contra você mesmo. “Seja responsável por suas próprias ações. Esqueça a motivação, você precisa de disciplina. Sem boa disciplina, você não vai conseguir seguir em frente”, ressalta Scott.

Mistura de exercícios para maior impacto

Arrisque coisas diferentes como nadar, caminhar, andar de bicicleta e treinar levantando, carregando, empurrando e puxando peso. O especialista faz isso e incentiva os outros caras a fazerem o mesmo. “Acredito que você precisa aumentar a capacidade do seu corpo para suportar a dor e ficar confortável ao se sentir desconfortável”, fala.

Scott indica tentar levantar e transportar objetos estranhos, completar circuitos de agilidade, fazer exercícios funcionais que envolvam o corpo todo e tudo que saia da própria zona de conforto. Para intensificar o exercício, você também pode tentar incorporar equipamentos como cordas, pneus, bolas pesadas, caixas e outros objetos à sua rotina de atividades.

A deita deve ser uma aliada

Outro ponto importante é pensar na alimentação. “Você pode ter o melhor programa de treinamento de todos os tempos, mas se sua dieta é péssima de nada vai adiantar todo o esforço”, diz o Scott.

A dica do especialista é fazer como ele e incorporar diariamente na alimentação frutos do mar, frango, abacate, manteiga de amendoim, vegetais de folhas verdes, ovos, batata doce, arroz Basmati, óleo de coco, café e fontes de proteína.  

Fazer exercícios que envolvam o corpo todo, pensar na dieta e treinar a mente são algumas dicas de Scott
Reprodução/Daily Mail
Fazer exercícios que envolvam o corpo todo, pensar na dieta e treinar a mente são algumas dicas de Scott


Leia também: Bodybuilding: treino, dieta e descanso para conquistar o corpo trincado

Ele também garante que evita o álcool (exceto em ocasiões especiais), açúcar refinado, refrigerantes, carboidratos simples, fast food, produtos com considerável teor de gordura e óleos vegetais.

“Sua forma dita o ritmo em que você pode desenvolver os abdominais e ajudar a perder gordura em conformidade. É de vital importância conhecer o próprio corpo e adaptar o seu plano de dieta de acordo com a sua necessidade”, alerta Scott.

Pense no corpo como um todo

Quanto ao treino, saia daquelas sequências de abdominais pesadas e iguais. Segundo o treinador, você deve incorporar no treino exercícios que proporcionem movimentos corporais totais.  “Esses exercícios irão promover mais perda de gordura total e uma maior resistência muscular”, explica.

Disciplinando a mente

Por último, mas não menos importante, Scott aponta que se você quiser se adaptar à nova rotina você precisa se concentrar e preparar a mente. “Seu corpo tem uma capacidade 20 vezes maior do que sua mente deixa você saber, é preciso acreditar”, afirma.

Leia também: Nutrição esportiva ajuda no ganho de massa muscular; saiba detalhes dessa dieta

Para o corpo funcionar bem, o treinador acredita que você precisa construir uma mente forte como a de um soldado das Forças Especiais. “Comece acreditando que você vai conseguir atingir seus objetivos e mudar de atitude. Seu corpo e sua mente tem a mesma importância, por isso, é bom treinar os dois ao mesmo tempo”, finaliza.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.