Tamanho do texto

"Minhas filhas são estímulo para tudo, faço qualquer coisa por elas, inclusive mudar de vida", diz Edilson Andrade, que mudou dieta e faz exercício em casa

O engenheiro de software Edilson Andrade, de 40 anos, é prova de que nunca é tarde para mudar o estilo de vida e superar dificuldades. Há um ano, ele começou a sentir os problemas do sedentarismo, e isso gerou consequências negativas em seu humor. Ele também passou a não conseguir cumprir tarefas simples, como passear com as filhas. E cansado da falta de energia e motivação, decidiu mudar seus hábitos . Em oito meses, ele perdeu 28 kg.

Leia também: Em apenas seis meses, homem de 39 anos consegue emagrecer 127 kg

Edilson Andrade conseguiu sair do sedentarismo utilizando o aplicativo Freeletics e tendo um dieta regrada
Divulgação/Freeletics
Edilson Andrade conseguiu sair do sedentarismo utilizando o aplicativo Freeletics e tendo um dieta regrada


“Não foi só o corpo que pediu mudança, a cabeça também estava desmotivada. Eu queria mudar, mas não sabia como. Foi quando eu busquei na internet maneiras de fazer atividade física de forma eficiente e prática”, conta Edilson, que, para vencer o sedentarismo , passou a fazer exercícios em casa com o auxilio de um aplicativo.

O engenheiro também precisou mudar a alimentação. Ele conta que no começo foi estranho, mas logo se adaptou a nova rotina. “Se a gente se acostuma a comer mal, em horários desregulados e sem qualidade, tendemos a manter isso. E esse costume se reflete em todas as outras situações, inclusive no sedentarismo”, relata. A alimentação do quarentão era à base de frituras, embutidos e congelados. “Ainda me dou ao luxo de comer algo mais calórico, mas deixo para ocasiões especiais”, acrescenta.

Leia também: Buscando motivação, fotógrafo faz a família inteira passar por transformação

Em festas, na casa dos amigos e em outras situações bem específicas, ele deixa a dieta um pouco de lado para não se privar de tudo e nem ser o chato da turma. “A principal diferença é que mantenho a alimentação saudável na maioria dos dias, então o que era exceção virou rotina. Atualmente sou praticante da dieta low carb, na qual como carboidratos de forma correta e inteligente, além de frutas, saladas e as proteínas necessárias para o ganho de massa muscular”, explica Edilson.

Uma nova vida

O sobrepeso também gerava dores e cansaço, o que agravava ainda mais a inatividade. Porém, com todas as mudanças que se propôs a fazer, começou a sentir os efeitos positivos. “Hoje, eu tenho outra vida. Até coisas simples, como me abaixar, eu tinha dificuldades. Não só pelo sobrepeso, mas pela falta de exercícios. O corpo fica travado e qualquer movimento que exija um pouco de flexibilidade se torna ruim de fazer, às vezes até machuca”, revela o engenheiro.

Não foi só o físico que mudou, ele também transformou a mente e agora se sente mais confiante e com a autoestima
Divulgação/Freeletics
Não foi só o físico que mudou, ele também transformou a mente e agora se sente mais confiante e com a autoestima



Além dos benefícios físicos, a confiança aumentou, e ele não sente mais vergonha de ficar, por exemplo, sem camiseta na praia.  Estando mais confiante, tudo a sua volta acabou sendo afetado: “Meu relacionamento melhorou, tenho mais criatividade e vontade de trabalhar, tanto que me deu vontade de empreender e estou abrindo uma empresa de delivery”.

Mais diversão com as filhas

Melhorar o relacionamento com as filhas foi uma das principais motivações para a mudança. “Minhas filhas são um estímulo para tudo, faço qualquer coisa por elas – inclusive mudar de vida. Para ter mais tempo ao lado delas, eu precisava mudar”, expõe Edeilson. “Agora, elas têm um pai mais animado e que participa de todas as brincadeiras sem cansar. Pude ensinar à minha filha mais nova a andar de bicicleta, pois correr não é mais um problema para mim. Com mais energia, tenho mais tempo e mais vida, mais qualidade de vida”, completa.

O processo de mudança não foi fácil, mas o engenheiro garante que valeu muito a pena. “É um caminho sem volta, pois o corpo e a cabeça hoje pedem para ser saudáveis. Não quero mais permitir que a minha mente me sabote”, garante. Atualmente, ele treina cinco vezes na semana com o aplicativo Freeletics e acabou conhecendo muitas pessoas que veem a história dele como inspiração.

Leia também: Homem com vício em energéticos consegue emagrecer 50kg após mudar de vida

“É preciso dar o primeiro passo, que é o mais difícil, parar de inventar desculpas e buscar soluções para os problemas. Nosso cérebro pode ser nosso maior aliado ou, se nos rendermos, ser nosso maior vilão. É a gente quem escolhe” diz Edeilson. “Se eu, com 40 anos, consegui superar o sedentarismo, qualquer um consegue, respeitando os seus limites, mas também saindo da zona de conforto, pois isto trará resultados rápidos e usando poucos minutos do seu dia”, finaliza.

    Leia tudo sobre: dieta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.