Tamanho do texto

Gary Crossan perdeu a aliança dando um mergulho na praia e, após semanas, viu um post no Facebook contando que o anel foi encontrado por crianças

Por se tratar de um objeto tão pequeno, perder o  anel de casamento é, ao mesmo tempo, comum e desesperador. Alguns sortudos, porém, conseguem encontrar a aliança perdida de maneira inusitada, e Gary Crossan passou a fazer parte desse grupo de pessoas quando, após perder sei anel durante um mergulho na praia de Portsalon, na Irlanda, encontrou-a semanas depois através de uma publicação no Facebook.

Crianças estavam brincando de fazer castelo de areia na praia quando encontraram o anel de casamento perdido
shutterstock
Crianças estavam brincando de fazer castelo de areia na praia quando encontraram o anel de casamento perdido


A publicação no Facebook, feita por Ann Busch, conta uma história ainda mais inacreditável: a mulher estava com suas filhas na praia de Portsalon, quando as pequenas, brincando de fazer castelos de areia, encontraram um anel brilhante enterrado. As três, porém, mal tinham ideia de que aquele era o anel de casamento de Crossan.

Ao veículo irlandês "The Irish Times", o homem conta que havia perdido o precioso anel no final de junho ao dar um mergulho no mar, e só percebeu quando estava voltando para casa com sua família. “Eu dei um mergulho perto do pier, e, quando voltei, a aliança não estava mais comigo. Nós procuramos depois e não achamos nada, achei que fosse um caso perdido”, afirma.

Após três semanas, Crossan já havia perdido as esperanças de encontrar o anel , e foi aí que deu de cara com uma publicação no Facebook que falava sobre um anel encontrado em Portsalon, próximo ao pier, com o nome “Maria” gravado. A publicação já tinha uma semana e quem a encontrou foi o cunhado de Crossan, Anthony.

Crossan então entrou em contato com a autora do post e disse à ela qual era a data gravada na aliança, para confirmar que o anel era dele. “Estou casado com minha esposa [Maria] há quase 15 anos, e o anel tem um grande valor sentimental”, afirma.

Leia também: Jovem faz anúncio divertido para vender anel de US$ 6 mil após levar "fora"

Para Crasson, o episódio mostra o poder da internet. “Não sou um grande fã, mas as redes sociais podem ajudar bastante em certas ocasiões. Eu honestamente achei que seria impossível encontrar a aliança. Seria como procurar uma agulha no palheiro, e eu só consigo agradecer às filhas de Ann”, finaliza.

O lado de Ann Busch na história sobre o anel de casamento perdido

Reprodução/Facebook/Ann Elizabeth
"Encontrei esse anel de casamento na praia, próximo ao pier", diz Ann Elizabeth Busch em sua publicação no Facebook




Ann estava em férias com o marido e as duas filhas, Lola e Maisie, quando as crianças encontraram o anel. “Nós estávamos construindo um castelo de areia e, quando colocamos a pá para cavar, encontramos o anel. As meninas ficaram animadas por terem encontrado ‘um tesouro’, mas expliquei que pertencia a outra pessoa”, conta Ann.

Leia também: Homem descobre traição de esposa seis dias após casamento de R$ 150 mil

A mulher afirma que entende o sofrimento de Crossan com a perda, pois já passou por algo parecido na vida. “Eu também perdi meu anel de casamento alguns dias após o pedido de casamento do meu marido. Eu perdi em um jardim, e demoraram dias para achar”, diz.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.