Tamanho do texto

Jimmy Croxton, que ficou com disfunção erétil por causa do diabetes tipo 1, espera que um procedimento usado para face lifting resolva o seu problema

Jimmy Croxton, um inglês de 33 anos, está na batalha contra a disfunção erétil. Os danos causados em seus nervos penianos pelo diabetes impedem-no de ter uma vida sexual ativa. Mas a vontade de ter um filho com sua namorada, Natalie Wilshaw, é a sua motivação para dar a volta por cima.

Leia também: Disfunção erétil solucionada? Estudo indica que azeite é mais eficaz que Viagra

A disfunção erétil causada pelo diabetes e por outros danos locais pode estar próxima de uma solução definitiva
shutterstock
A disfunção erétil causada pelo diabetes e por outros danos locais pode estar próxima de uma solução definitiva

Os problemas atuais do rapaz (que incluem disfunção erétil e impossibilidade de ejacular) só surgiriam por volta de 2010. Quando percebeu que sua performance na cama estava piorando, ele foi ao médico. Foi então foi que seu clínico geral alertou que o diabetes tipo 1 (com o qual o jovem convivia desde os 18 anos de idade) era a causa do problema.

Porém, graças a um procedimento que custa cerca de 1,2 mil libras (ou pouco mais de R$5,9 mil), Jimmy pode manter as esperanças. Segundo o tabloide inglês The Sun , o P-Shot é usado pelos famosos para procedimentos como face lifting, e o rapaz já recebeu a primeira dose em novembro. A segunda dose, que deve vir em janeiro, trará o veredito final.

A luta contra a disfunção erétil

Jimmy Croxton luta com a disfunção erétil há quase dez anos, mas ele pode estar prestes a vencer essa batalha
Reprodução/The Sun
Jimmy Croxton luta com a disfunção erétil há quase dez anos, mas ele pode estar prestes a vencer essa batalha

Ao tabloide, Jimmy conta que nunca foi um mulherengo, do tipo que sai toda noite na cidade para encontrar garotas. No entanto, quando ele tinha a oportunidade de fazer sexo com uma mulher, às vezes tinha problemas para manter a ereção . "Quando você é um jovem, isso pode ser muito difícil", acrescenta.

Quando o caso ficou pior, segundo o The Sun , o jovem começou a avisar suas parceiras em potencial que tinha esse problema que acabava tornando o sexo em um verdadeiro desafio. Nem mesmo Viagra podia ajudá-lo em seus tempos de desespero.

Leia também: Motovelocidade ajuda paulista com diabetes a focar nos exercícios e dieta

"É difícil explicar isso para as mulheres, porque ainda há um estigma muito forte sobre problemas eréteis", confessa ao tabloide. "Quando tinha 26 anos, saía com uma garota de 19 que, acho que devido à idade, simplesmente não entendia por que nosso sexo não dava certo", continua.

"O relacionamento ruiu por diversas razões, mas essa com certeza foi uma das principais", completa Jimmy.

P-Shot: a solução final?

A motivação final para Jimmy resolver a disfunção erétil é a possibilidade de ter um filho com sua namorada atual
Reprodução/The Sun
A motivação final para Jimmy resolver a disfunção erétil é a possibilidade de ter um filho com sua namorada atual

Somente depois que ele e sua atual namorada começaram a pensar em adotar uma criança, um amigo lhe contou sobre o inovador tratamento que poderia resolver sua situação. Isso foi o suficiente para convencê-lo a aproveitar a chance.

Depois de fazer uma consulta na Elite Aesthetics, uma clínica londrina, Jimmy marcou seu primeiro procedimento. Basicamente, o P-Shot usa o plasma para reparar as terminações nervosas danificadas.

Isso é possível porque, como lembra o jornal, o plasma é o elemento do sangue que estimula o crescimento de tecidos. Também por isso ele ganhou fama nos rostos de famosos que querem ficar alguns anos mais jovens na aparecência.

Não foi só a performance sexual de Jimmy que melhorou depois do P-Shot. "Fazer o tratamento também abriu meus olhos para o dano que eu estava causando por não cuidar dos níveis de açúcar no meu sangue", declara ao tabloide.

Leia também: Britânicos apresentam gel para disfunção erétil que promete ereção em minutos

A médica Shirin Lakhani, que realizou o procedimento de Jimmy, diz que o P-Shot ajuda em casos de disfunção erétil causada por danos locais como problemas nervosos ou problemas vasculares, e até por doenças como o diabetes.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.