Tamanho do texto

Norte-americano Kyle Gordy é pai de 18 crianças e mais três estão a caminho

O americano Kyle Gordy, de 27 anos, é considerado o doador de esperma mais popular do mundo. Ele já teve 18 filhos com mulheres entre 18 e 42 anos de três estados americanos (Califórnia, Colorado e Texas) e mais cinco crianças estão a caminho. Com tanta popularidade, surgiu uma preocupação: e se essas crianças se envolverem no futuro?

Leia também: Esperma pode ser afetado pelo consumo de maconha, diz estudo

O doador de esperma Kyle Gordy revelou que a mãe de um de seus filhos ligou preocupada com a possibilidade de incesto
Reprodução/Daily Mail
O doador de esperma Kyle Gordy revelou que a mãe de um de seus filhos ligou preocupada com a possibilidade de incesto

Segundo o jornal britânico Daily Mail , esse medo começou a ser discutido quando a mãe de uma das crianças ligou para o doador de esperma porque uma amiga sua estava pensando em contratar o serviço dele em breve.

Como elas moravam perto uma da outra, a mulher estava preocupada que as crianças pudessem se encontrar no futuro. Diante disso, ela queria que o Kyle negasse a proposta da amiga. 

De acordo com o jornal, Kyle tentou acalmar a mãe de seu filho dizendo que criaria um grupo privado no Facebook, que serviria para que as mães das crianças pudessem se conhecer e compartilhar fotos para evitar que os filhos se encontrar e até se relacionar acidentalmente.

Será que só essa "comunidade virtual" é capaz de evitar casos de incesto no futuro?

Leia também: Saiba quais alimentos colaboram para a melhorar a fertilidade masculina

Mais sobre o doador de esperma

Essa seria a página de Facebook do doador de esperma para manter um certo contato com as mães de seus filhos, mas ela está fora do ar no momento. Entretanto, o jornal Daily Mail conseguiu fazer uma reprodução da página
Reprodução/Daily Mail
Essa seria a página de Facebook do doador de esperma para manter um certo contato com as mães de seus filhos, mas ela está fora do ar no momento. Entretanto, o jornal Daily Mail conseguiu fazer uma reprodução da página

Kyle começou a função de doador há pouco tempo, há quatro anos. Também para o jornal britânico, ele disse que sempre quis ser pai do filho dos outros. Para isso, ele viaja os Estados Unidos para engravidar mulheres - solteiras ou casadas - que querem ser mães de forma natural - sim, fazendo sexo com elas. Ele também doa seu material para alguns casos de inseminação artificial

Filho de uma programadora e de um advogado, ele disse que está simplesmente disseminando os genes de sua família. Ele não mantém contato com os filhos, mas se preocupa com eles, já que filtra as possíveis clientes para averiguar que a criança terá apoio financeiro, além de escolher apenas de duas a cinco mulheres mensalmente para a inseminação.

Leia também: Pai de três filhos descobre traição após exame revelar que ele nasceu estéril

Apesar desse distanciamento, ele tem um plano inusitado: daqui a 20 anos, o d oador de esperma quer reunir todos os filhos para uma grande festa de Dia dos Pais. Não sabemos quantos serão os participantes dessa comemoração. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.