Tamanho do texto

Rich Willis foi incentivado pela filha de 6 anos, que se encantou ao ver atleta com nanismo competindo nos Jogos Paralímpicos do Rio, em 2016

Há um ano, a vida do britânico Rich Willis mudou por completo. Por incentivo da filha, aos 48 anos, ele começou a levantar peso. O detalhe é que ele nasceu com nanismo diastrófico, mas isso não o impediu de se tornar um atleta campeão que agora sonha competir nas Paralimpíadas de Tóquio, no Japão, em 2020.

Leia também: Após passar dos 180 kg, personal trainer relata luta para perder peso e dá dicas

Quem incentivou o atleta a começar a treinar foi a sua filha de 9 anos
Reprodução/Daily Star
Quem incentivou o atleta a começar a treinar foi a sua filha de 9 anos


Rich passou boa parte da vida no hospital. Precisou ser submetido a cirurgias nos quadris, fêmures, joelhos, ombros e tornozelos. A filha do britânico, Cherry, hoje com seis anos, presenciou muitas desses procedimentos, mas deu uma esperança ao pai ao assistir os Jogos Paralímpicos em 2016 no Rio de Janeiro e junto com ele e ver uma atleta com nanismo participando.  

A anã estava fazendo levantamento de peso e logo a garota disse: “Você poderia fazer aquilo papai”. “Ela realmente só me viu entrar e sair do hospital e queria fazer algo que a deixasse orgulhosa. Eu também precisava fazer algo por mim, precisava encontrar algo para trabalhar”, conta Rich em entrevista ao portal britânico “Daily Star”.

Pegando pesado

Mesmo tendo por volta de 1,40 m e pesando 50 kg, o britânico treinou duro para hoje consegue levantar mais de duas vezes o peso de seu corpo. Após um ano de treinamento, Rich esmagou um recorde mundial em sua categoria de peso com uma elevação final de 97,5 kg. Ele também ficou em primeiro lugar em campeonatos mundiais na Grã-Bretanha e em Moscou.

Leia também: Homem de 45 anos passa por transformação e fica fitness em apenas 3 meses

“Eu estava tomando analgésicos pesados ​​para ajudar nos treinos devido a minha condição, mas se estou competindo, não posso ter essas substâncias no meu organismo. Meu treino médio envolve muita dor, muito suor e muitas lágrimas”, desabafa o atleta.

Rich Willis venceu todas as dificuldades e preconceitos para se tornar um atleta de levantamento de peso campeão
Reprodução/Daily Star
Rich Willis venceu todas as dificuldades e preconceitos para se tornar um atleta de levantamento de peso campeão


Superando desafios

Toda essa superação contrariou os médicos que, em 2004, falaram que ele poderia perder as duas pernas devido a uma artrite extrema. Por conta disso, dois anos depois ele se aposentou por invalidez. “Foi um ano de tormentas, mas conquistei tudo o que eu queria. A mensagem que eu quero passar é que não importa suas limitações, você sempre deve agir sem vergonha de tentar”, aconselha Rich.

Leia também: Dafne Anãzinha, garota de programa: "Me procuram por fetiche e curiosidade"

Os planos futuros é competir nos Jogos Paraolímpicos de Tóquio 2020, mas o britânico não possui patrocinadores para isso. Além de treinar, o objetivo do atleta é conseguir encontrar pessoas que possam ajudá-lo a realizar esse sonho.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.