Tamanho do texto

Eddie Hall recebeu o título em 2017 e chegou a pesar 203 kg, mas ao perceber que estava exagerando resolveu mudar a dieta e perdeu 38 kg

Eddie Hall venceu a competição World's Strongest Man (O Homem Mais Forte do Mundo) de 2017 e conquistou um recorde mundial de 2016 ao levantar uma carga de 500 kg. Agora, com 31 anos, ele resolveu se aposentar das competições, pois percebeu que precisava adotar um novo estilo de vida e emagrecer.

Leia também: Para perder peso, homem muda alimentação e perde 50 kg em 6 meses

undefined
Reprodução/Instagram
Eddie Hall percebeu que precisava emagrecer porque sabia que não era saudável se manter tão forte


Com mudanças na dieta e nas atividades físicas, Eddie conseguiu perder 38 kg. Para continuar sendo um dos homens mais forte do mundo, ele mantinha um peso de 203 kg e estava ciente de que isso estava colocando sua saúde em risco e que precisava emagrecer . “Eu sabia que estava extrapolando os limites”, afirma em entrevista ao site britânico “Express”.

O ex-competidor sentia e tinha noção de que estava arriscando a própria vida para ser manter fortão. Para isso, além dos exercícios de força, ele comia muitos carboidratos diariamente. 

A rotina que levava para isso era muito pesada e isso futuramente poderia afetar diversos aspectos da sua saúde. “É muito insalubre ser tão grande”, comenta.

Leia também: Jovem perde 47kg em 15 meses e dá detalhes da dieta e dicas 

Para conseguir perder peso e deixar de ser tão “monstro”, Eddie conta que precisou mudar a alimentação. Agora ele quase não come carboidratos e foca em proteínas e gorduras. Além disso, ele também mudou sua rotina fitness e passou a lutar boxe e a fazer natação para perder barriga. A ideia é fazer exercícios de cardio. 

Como manter o peso após emagrecer? 


Atualmente com 165 kg, Eddie diz que está satisfeito com seu peso e agora procura manter seus resultados de emagrecimento. “Estou muito feliz com esse peso corporal. Perdi 38 kg e continuarei contente se eu ficar nesse peso até que eu fique um pouco mais velho. Talvez eu tenha que reduzir mais alguns quilos quando eu chegar aos meus 40 ou 50 anos”, acrescenta.

Ele sabe que o mais difícil não é perder peso, mas manter a forma. Para não engordar novamente, Eddie fala que continuará limitando sua ingestão de carboidratos e que vai se esforçar para não vacilar em sua nova rotina de treinamento.

“Só vou continuar como estou se fizer o que estou fazendo. Vou continuar controlando minha alimentação e me exercitando o suficiente.”

Leia também: Professor consegue perder 110 kg em 2 anos após mudança drástica de dieta

Sucesso no Instagram, Eddie possui mais 1,1 milhão de seguidores. Ele costuma compartilhar sua intensa rotina fitness e, com isso, busca incentivar seus seguidores que querem emagrecer e ganhar massa muscular.

    Leia tudo sobre: dieta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.